A Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro e a Secretaria Municipal de Cultura apresentam

Eventos

Imprimir

Ateliê Oriente


“In-Visíveis”

Ateliê Oriente

25 de Junho

Rua do Russel, 300/401 • Glória • Rio de Janeiro • Tel.: 3495-3800

In-Visíveis Kitty Paranaguá, Renan Cepeda, Thiago Barros e Paulo Marcos de Mendonça Lima
Visita guiada dia 25 de junho , de 14 h às 18 h

Saiba mais

Ateliê da Imagem Espaço Cultural


“Composição de imagens II: arte moderna e contemporânea”

Ateliê da Imagem Espaço Cultural

23 de Maio

Av. Pasteur, 453 • Urca • Rio de Janeiro • Tel.: 2244-5660 • Horário de funcionamento: 2ª a 6ª das 10h às 21h30, sáb. das 10h às 17h30

A partir da obra de grandes fotógrafos e pintores, o curso tem como objetivo proporcionar ao aluno a compreensão dos códigos visuais das diversas vertentes artísticas dos séculos 19 e 20, para que possam servir de referência para o desenvolvimento de seu trabalho pessoal.

Saiba mais

“PROJETO SEXTA-LIVRE: RETROSPECTIVA ROGÉRIO REIS”

Ateliê da Imagem Espaço Cultural

27 de Maio

Av. Pasteur, 453 • Urca • Rio de Janeiro • Tel.: 2244-5660 • Horário de funcionamento: 2ª a 6ª das 10h às 21h30, sáb. das 10h às 17h30

Rogério Reis nasceu no Rio de Janeiro em 1954. Descobriu a fotografia nas oficinas de arte do MAM-Museu de Arte Moderna, nos anos 70. Trabalhou no Jornal do Brasil (1977), no O Globo (1980), na revista Veja (1983), e participou do Grupo F4 de fotógrafos independentes dos anos 80. Foi durante 5 anos editor de fotografia do Jornal do Brasil (91 a 96). Em 1999 recebeu o Prêmio Nacional de Fotografia da Funarte. Em 2007 passa a integrar o grupo de fotógrafos do projeto da UNESCO, Our Place - the Photographic Celebration of the World's Heritage.

É um dos fundadores da Tyba (1991) onde trabalha como editor de projetos especiais; autor do livro Na Lona - Editora Aeroplano (2001) e co-autor dos livros, Revisitando a Amazônia de Carlos Chagas - Editora Fiocruz (1996), Retratos de Outono - Editora Sextante (1999) e e Só Existe um Rio, Andrea Jakobsson Estúdio (2008). Rogério é representado nos Estados Unidos por Tepper Takayama Fine Arts, na Suécia por Art Photo Collection e no Brasil (Rio de Janeiro) pela Galeria da Gávea .
 

Saiba mais

“Fotografia P&B – Processos antigos e contemporâneos”

Ateliê da Imagem Espaço Cultural

31 de Maio

Av. Pasteur, 453 • Urca • Rio de Janeiro • Tel.: 2244-5660 • Horário de funcionamento: 2ª a 6ª das 10h às 21h30, sáb. das 10h às 17h30

Este curso visa situar o aluno na produção em fotografia P&B ao longo desses quase dois séculos da invenção oficial da fotografia. Desde os pioneiros, passando pelos que conviveram já no século XX com a concorrência da captura em cor, até a contemporaneidade onde nos deparamos com a revolução e os desafios introduzidos pela fotografia digital. O curso vai oferecer bases teóricas e técnicas e exercícios para os alunos desenvolverem trabalhos e projetos em P&B, e assim solucionarem dúvidas e desafios quando se trata de optar pelo P&B. Afinal, para se fazer uma boa foto P&B deve-se ainda recorrer ao filme, ou o digital já dá conta da qualidade de captura e de impressão final? Durante o curso, vários trabalhos de fotógrafos modernos e contemporâneos que privilegiam o P&B serão apresentados, e serão discutidas suas poéticas e as técnicas utilizadas para atingir seus objetivos imagéticos.
 

Saiba mais

“UM OLHAR SOBRE A FOTOGRAFIA CARIOCA”

Ateliê da Imagem Espaço Cultural

03 de Junho

Av. Pasteur, 453 • Urca • Rio de Janeiro • Tel.: 2244-5660 • Horário de funcionamento: 2ª a 6ª das 10h às 21h30, sáb. das 10h às 17h30

Carioca configura um jeito de ser. Carioca pressupõe uma forma de olhar. Carioca deflagra um tempo próprio de estar em qualquer lugar e, ainda assim, estar no Rio. A fotografia produzida por cariocas de berço ou de coração é múltipla como o são as contradições deste purgatório da beleza e do caos. Mesmo quando não é o protagonista, o Rio de Janeiro nos olha desde o fundo das imagens, em alguma borda de suas membranas nos espreita sua intensidade, seu tudo-muito-já.

A palestra, já apresentada em fevereiro no 1o. Festival Foto em Pauta de Tiradentes (MG) e em maio de 2011 como atividade educativa da exposição Geração 00 – Nova Fotografia Brasileira, no Sesc Belenzinho (SP), não pretende ser um panorama oficial e sim um olhar de aproximações e reflexões construídas ao longo de 15 anos por quem vive a fotografia como matéria, pensamento e paixão.

Apresenta trabalhos de quarenta fotógrafos e artistas, como Ana Angélica Costa, André Vieira, Anna Kahn, Claudia Tavares, Daniela Dacorso, Deborah Engel, Edu Monteiro, Gustavo Pellizzon, Kitty Paranaguá, Leonardo Ramadinha, Luiza Baldan, Marcos Bonisson, Marcos Chaves, Michel Groisman & Sung Pyo Hong, Paula Trope, Rafael Adorjan, Renan Cepeda, Rosangela Rennó e Vicente de Mello, entre outros.
 

Saiba mais

“Fotografia de moda em Estúdio”

Ateliê da Imagem Espaço Cultural

07 de Junho

Av. Pasteur, 453 • Urca • Rio de Janeiro • Tel.: 2244-5660 • Horário de funcionamento: 2ª a 6ª das 10h às 21h30, sáb. das 10h às 17h30

Como desenvolver na prática a linguagem de moda aplicada a editoriais e propaganda realizados em estúdio, direção de modelo, direção de troupe fotográfica e edição de portifólio, são alguns tópicos abordados no curso.

Saiba mais

“LANÇAMENTO DE MEMBRANAS DE LUZ: OS TEMPOS NA IMAGEM CONTEMPORÂNEA”

Ateliê da Imagem Espaço Cultural

17 de Junho

Av. Pasteur, 453 • Urca • Rio de Janeiro • Tel.: 2244-5660 • Horário de funcionamento: 2ª a 6ª das 10h às 21h30, sáb. das 10h às 17h30

Como parte da programação do FotoRio2011, a Azougue Editorial faz o lançamento de três novos títulos de seu catálogo, que se alinham com a proposta do festival ao ampliar e aprofundar as discussões em torno da imagem na vida social contemporânea. Em Membranas de Luz, Patricia Gouvêa, investiga a temporalidade da imagem contemporânea através do estudo das obras de artistas como Agnès Varda, Alice Miceli, Abbas Kiarostami, Douglas Gordon, Georges Rousse, Kátia Maciel e Kim Sooja. Os outros dois títulos inauguram a série Ensaios Fundamentais, com um volume dedicado ao cinema e outro dedicado às artes plásticas. São obras que reúnem e reeditam ensaios de referência para esses campos do conhecimento, visando retomar a reflexão, os argumentos e as polêmicas de ontem e de agora para projetar seus desafios no futuro.

Saiba mais

“MINI-FOTÓGRAFOS: A AVENTURA DE OLHAR - OFICINA DE FOTOGRAFIA PARA CRIANÇAS”

Ateliê da Imagem Espaço Cultural

18 de Julho

Av. Pasteur, 453 • Urca • Rio de Janeiro • Tel.: 2244-5660 • Horário de funcionamento: 2ª a 6ª das 10h às 21h30, sáb. das 10h às 17h30

Considerando a importância das imagens em nosso cotidiano, esta oficina proporciona um contato mais íntimo das crianças com a fotografia. Através de uma prática lúdica, desperta a virtuosidade do olhar, a capacidade criativa do clique e atenta para as múltiplas funções e significados desse tipo de imagem.

O ato de fotografar contribui no desenvolvimento da criatividade, na capacidade de observação, no poder de decisão, na objetividade, na integração com o meio ambiente e com as pessoas e no desenvolvimento da linguagem pessoal, auxiliando na comunicação com o mundo externo. Além disso, fotografar pode tornar mais fácil a assimilação de conceitos como tempo e espaço.

Trabalhamos com as fotografias que já permeiam a vida das próprias crianças, como as de si próprias e de sua família, de forma a vincular o aprendizado com o mundo próprio de cada uma. Na prática fotográfica, partimos de um contexto imediato em comum – a própria escola onde está sendo realizada a atividade –, para um contexto particular – suas casas, seu bairro e passeios de fim de semana. A partir de suas produções fotográficas, as crianças constroem, artesanalmente, um álbum com suas fotografias.

As crianças entram em contato com a parte técnica da fotografia de forma bastante lúdica. Algumas “mágicas” fotográficas são desvendadas e penetradas: a revelação química (a fotografia aparecendo no papel submerso na água); a dupla exposição; a “pintura” com lanterna em longa exposição (light painting) e a prática artesanal da pinhole.
 

Saiba mais

“Ensaios Fotográficos: desenvolvimento de projetos”

Ateliê da Imagem Espaço Cultural

03 de Agosto

Av. Pasteur, 453 • Urca • Rio de Janeiro • Tel.: 2244-5660 • Horário de funcionamento: 2ª a 6ª das 10h às 21h30, sáb. das 10h às 17h30

O curso tem como objetivo principal incentivar a criação de ensaios fotográficos dentro das diferentes vertentes da fotografia, buscando desenvolver uma linguagem autoral. Trabalhos de diversos fotógrafos reconhecidos internacionalmente por suas importantes contribuições ao mundo da fotografia serão apresentados e comentados visando enriquecer o vocabulário fotográfico dos alunos e suscitar discussões sobre as diversas maneiras de se tratar um mesmo tema. A criatividade será incentivada através de exercícios práticos propostos a cada 15 dias, após as aulas teóricas. Cada aula teórica será seguida de uma aula prática de discussão dos exercícios feitos e apresentados numa tentativa de aprofundar a leitura de imagens fotográficas e orientar cada projeto em desenvolvimento.

Saiba mais

Centro Cultural Banco do Brasil


“Eu me desdobro em muitos - Autorrepresentação na Fotografia Contemporânea”

Centro Cultural Banco do Brasil

05 de Julho

Rua Primeiro de Março, 66 – Centro • Rio de Janeiro • Tel.: 3808-2020 • Horário de funcionamento: 3ª a dom. das 10h às 21h

O Centro Cultural do Banco do Brasil realiza no dia 5 de julho, a partir das 17h, a última Visita Guiada da exposição Eu me desdobro em muitos – a autorrepresentação na fotografia contemporânea, nas salas H, I e pátio da Rua Direita no 1º andar do CCBB. A curadora Joana Mazza, ao lado dos artistas: André Parente, Fernanda Magalhães, Helenbar e Rodrigo Braga estarão percorrendo a exposição e conversando com o público.

Eu me desdobro em muitos – a autorrepresentação na fotografia contemporânea apresenta 69 obras físicas de sete artistas brasileiros e 14 estrangeiros, dentre os mais importantes autores da vanguarda da fotografia no campo da arte contemporânea no mundo. Complementam a mostra uma seleção de cinco vídeos curtos e interativos, com curadoria de Jean-Luc Monterosso, Diretor da MEP, e ainda a instalação “Estereoscopia” do carioca André Parente.

A mostra ficará aberta ao público até dia 10 de julho, na Rua Primeiro de Março, 66, 1° andar (3808-2020), e tem entrada franca.

SERVIÇO:

 

EU ME DESDOBRO EM MUITOS – A AUTORREPRESENTAÇÃO NA FOTOGRAFIA CONTEMPORÂNEA-

Exposição de 69 imagens dos brasileiros André Parente, Alisson Gothz, Helenbar, Luisa Burlamaqui, Fernanda Magalhães, Rodrigo Braga e Sofia Borges, o mexicano Gerardo Montiel Klint, a argentina Tatiana Parcero, o norueguês Bjorn Sterri e uma série de artistas da coleção da Maison Européenne de la Photographie, de Paris. São eles: Martial Cherrier, Gilbert & Georg, Robert Mapplethorpe, Duane Michals, Pierre Molinier, ORLAN, Philippe Perrin, Pierre & Gilles e Cindy Sherman.

Centro Cultural Banco do Brasil, Rua 1º de Março, 66, salas H, I e pátio da Rua Direita

Telefone: (21) 3808-2020

Visitação: de 3ª a dom., de 9h às 21h. Até dia 10 de julho.

Visita Guiada: dia 5 de julho, a partir das 17h.

Entrada franca / Metrô: Uruguaiana / Facilidades para deficientes

www.bb.com.br / WWW.fotorio.fot.br

 

Saiba mais

Centro Cultural Correios Apresenta


“PROJEÇÃO DE VÍDEOS - VIZINHOS DISTANTES”

Centro Cultural Correios Apresenta

20 de Agosto

Rua Visconde de Itaboraí, 20 • Centro, Corredor Cultural • Rio de Janeiro • Tel.: 2253-1580 • Horário de funcionamento: 3ª a dom. das 12h às 19h • http://www.correios.com.br

 A arte é feita de contaminações. E, na China atual, com a crescente liberdade política, com a diversificação das redes de comunicação e a progressiva facilidade de deslocamento pelo mundo, muitos fotógrafos-artistas começam a despontar no circuito da arte contemporânea. Nesta projeção do FotoRio, inauguramos nossa parceria com fotógrafos representados pela MR Gallery e Inter Gallery de Pequim. E com aqueles mapeados através de nossa participação no Pingyao International Photography Festival, em 2010, com a exibição da mostra coletiva Um certo Brasil. No conjunto de imagens, que serão projetadas, os artistas chineses simbolizam seu próprio campo do real, para além do simples registro, ou a sua constituição imaginária no complexo terreno das trocas culturais.

Fotógrafos participantes:
• A Yin
• Lu Nan
• Pu Yan
• Ou Yang Xing Kai
• Yang Fan
• Dai Xiang
• Mo Y
• Tian Taiquan
 

Saiba mais

“PROJEÇÃO DE VÍDEOS - Encontro de Bamako”

Centro Cultural Correios Apresenta

20 de Agosto

Rua Visconde de Itaboraí, 20 • Centro, Corredor Cultural • Rio de Janeiro • Tel.: 2253-1580 • Horário de funcionamento: 3ª a dom. das 12h às 19h • http://www.correios.com.br

Os Encontros de Bamako foram criados em 1994 pelo Ministério da Cultura do Mali em parceria com o Institut Français e se tornaram um pólo internacional para o vídeo e a fotografia contemporâneos produzidos no continente africano. Sua última edição, em 2009, teve por tema as fronteiras, e a próxima edição, em 2011, será realizada em torno do tema “Por um mundo durável”.
 

Saiba mais

“PROJEÇÃO DE VÍDEOS - Foto em Cena”

Centro Cultural Correios Apresenta

20 de Agosto

Rua Visconde de Itaboraí, 20 • Centro, Corredor Cultural • Rio de Janeiro • Tel.: 2253-1580 • Horário de funcionamento: 3ª a dom. das 12h às 19h • http://www.correios.com.br

Foto em Cena é uma série documental para TV produzida pela Foto in Cena Produções exibida no CANAL BRASIL (Globosat) a dois anos. Apresenta depoimentos de importantes fotógrafos brasileiros. Repleto de imagens e música aborda ensaios, coleções e enfatiza temas como: esporte, moda, fotojornalismo e documentação, buscando relacionar o olhar, a expressividade e os conceitos do artista com aspectos sociais e culturais que compõem a diversidade do nosso país.
Fotógrafos:
Nair Benedicto
Coleção Joaquim Paiva
Custodio Coimbra
Pedro Vasquez
Antonio Augusto Fontes
Luiz Garrido
 

Saiba mais

““FOTOCINE – A Fotografia no Cinema””

Centro Cultural Correios Apresenta

20 de Agosto

Rua Visconde de Itaboraí, 20 • Centro, Corredor Cultural • Rio de Janeiro • Tel.: 2253-1580 • Horário de funcionamento: 3ª a dom. das 12h às 19h • http://www.correios.com.br

“FOTOCINE – A Fotografia no Cinema” é uma mostra de filmes onde a fotografia é protagonista, seja na figura do fotógrafo, da própria imagem ou de seus inúmeros desdobramentos. De 26 de junho a 3 de julho, no Centro Cultural Correios, serão exibidas 43 obras de ficção, de épocas e abordagens diversas; documentários sobre fotógrafos e a própria fotografia; e “fotofilmes” que utilizam exclusivamente a imagem fotográfica para a construção de sua narrativa.

Duas palestras complementam a mostra: a primeira com a participação do cineasta e fotógrafo Walter Carvalho, do fotógrafo e artista visual Marcos Bonisson e do fotógrafo e pesquisador Pedro Vasquez; a outra, com o cineasta Aurélio Michiles e o crítico de cinema Carlos Alberto Mattos.

PROGRAMAÇÃO / PROGRAM

Sala de Cinema Film Theater

28/6 (terça-feira)
14:00 O Ano em que Vivemos em Perigo
16:00 Antes da Chuva
18:30 Debate: Walter Carvalho, Marcos Bonisson, Pedro Vasquez

29/6 (quarta-feira)
14:00 Shutter
16:00 Cidade de Deus
18:30 Sob Fogo Cerrado

30/6 (quinta-feira)
14:00 A Pele
16:00 Retratos de uma obsessão
18:30 Debate: Aurélio Michiles, Carlos Alberto Mattos

1/7 (sexta-feira)
14:00 Os olhos de Laura Mars
16:00 Baile Perfumado
18:30 Blow-up - Depois Daquele beijo

2/7 (sábado)
14:00 Cinderela em Paris
16:00 Pretty Baby
18:30 Pontes de Madison

3/7 (domingo)
14:00 Desejos de Liberdade
16:00 Pecker - O preço da fama
18:30 A prostituta e a baleia

 

Sala de Vídeo / Video Theater

28/6 (terça-feira)
15:00 Thomas Farkas, um brasileiro e
Evandro Teixeira: instantâneos da realidade
17:00 Fragmentos de um Diário
19:00 Um homem com a câmera

29/6 (quarta-feira)
15:00 Caçadores da Alma I e II
17:00 O Cineasta da Selva
19:00 Iluminados

30/6 (quinta-feira)
15:00 Vivendo um outro olhar
17:00 Faces of a Vanishing World
19:00 Chevolution

1/7 (sexta-feira)
15:00 Nascidos em Bordeis
17:00 Fotógrafo de guerra
19:00 Procedimento Operacional Padrão

2/7 (sábado)
15:00 Fotos Proibidas
17:00 Black White and Gray
19:00 Fotofilmes*

3/7 (domingo)
15:00 Câmera Viajante e Janela da Alma
17:00 Annie Leibovitz
19:00 Paisagens Industriais

*Fotofilmes
Fernanda Ramos, Arpoador (2005)
Alberto Bittar, Qualquer Vazio (2011)
Marcos Camargo, Coda (2008)
Gustavo Pellizon, Ecobarreiras (2010)
Marcelo Tassara, Povo da Lua, Povo do Sangue (1984)
Juan MIllares, El Pabellon Alemán (2010)
Chris Marker, La Jetée (1962)

Saiba mais

“CONFERÊNCIA - “Não Desisto de Mim””

Centro Cultural Correios Apresenta

20 de Junho

Rua Visconde de Itaboraí, 20 • Centro, Corredor Cultural • Rio de Janeiro • Tel.: 2253-1580 • Horário de funcionamento: 3ª a dom. das 12h às 19h • http://www.correios.com.br

Saiba mais

Centro Cultural Justiça Federal


“Cavalo de Santo – Religiões afro-gaúchas”

Centro Cultural Justiça Federal

09 de Junho

Av. Rio Branco, 241 • Centro • Rio de Janeiro • Tel.: 3261-2550 • Horário de funcionamento: 3ª a dom das 12 às 19h • Entrada franca

 

Saiba mais

“Face - a - Face: Fotógrafos Revelados”

Centro Cultural Justiça Federal

09 de Junho

Av. Rio Branco, 241 • Centro • Rio de Janeiro • Tel.: 3261-2550 • Horário de funcionamento: 3ª a dom das 12 às 19h • Entrada franca

O retrato é o gênero fotográfico mais antigo conhecido ao longo da história da fotografia. Segundo Maria Inez Turazzi, ao longo da segunda metade do século XIX, é possível traçar um percurso na história da fotografia que vai da pose ao instantâneo, da imobilidade ao movimento. Os daguerreótipos precisavam de longos tempos de exposição, exigindo do modelo uma pose congelada com longa duração. Com o desenvolvimento tecnológico da fotografia torna-se possível fazer retratos em frações de segundo, começa a era “momento decisivo”, retratos inusitados, instantâneos.

Entre os anos de 1997 e 2001 realizou-se em Porto Alegre o Projeto Anônimos, criado e executado pelos fotógrafos Márcio Lana, Guilherme Llantada e Eduardo Aigner. A partir da construção de uma estrutura de alumínio ou metal, revestido com fundo preto e laterais e teto feitos de material translúcido, foi criado um mini-estúdio que foi instalado em locais estratégicos da cidade com o objetivo de fotografar os Anônimos que passavam por ali. O projeto contou com o financiamento do Fumproarte da Prefeitura Municipal de Porto Alegre e resultou em uma grande exposição de 100 retratos de 100x100cm na Usina do Gasômetro em Abril de 2001.

A tenda como um mini-estúdio instalado em áreas públicas cria a possibilidade de reunir esses dois estados do retrato fotográfico; o estático e o instantâneo. O fato da pessoa ser convidada a ser fotografada dentro desse mini-estúdio (com estatuto de “público”, ao ar livre) traz um clima instantâneo à pose, amolecendo toda a rigidez que um estúdio fotográfico normalmente impõe.

De outro lado, o fato do fotografado ser retirado do contexto da rua e todas as informações visuais que esse cenário impõe serem descartadas do fundo da foto, permite que sejam valorizados cada detalhe do modelo retratado. Valorizam-se expressões, detalhes da pele, objetos utilizados, interferências corporais, etc. Segundo a fotógrafa holandesa RIneke Dijkstra ”se você excluir os detalhes, ao ler a sua fotografia, o espectador tem que procurar as pistas sutis.”

Para a realização de uma aula prática de retratos p&b no Ateliê da Imagem, sugeri aos alunos a prática da tenda, inspirada no Projeto Anônimos. Montamos a tenda na Praça Gal. Osório em Ipanema (resultado pode ser visto nas fotos em anexo) e convidamos pessoas que ali circulavam para serem fotografadas. O resultado foi tão bom que foi montado uma segunda vez com outra turma.

A partir dessas experiências de aulas apresentei o Projeto ao Ateliê da Imagem que passou a ser o realizador dos projetos. Tivemos a primeira experiência no dia 19 de agosto, montando a tenda no pátio da escola e fotografando durante todo o dia a comunidade Ateliê da Imagem (alunos, professores, funcionários, frequentadores). Cada pessoa que era fotografada levava seu polaróide. Na mesma noite fizemos uma grande projeção apresentando os resultados.

Numa segunda etapa, surge o Projeto Face a Face: fotógrafos revelados. Numa realização conjunta Ateliê da Imagem/Paraty em Foco, durante três dias a tenda foi instalada no estacionamento em frente à Pça da Matriz e os fotógrafos participantes do festival foram convidados a serem fotografados. O equipamento fotográfico utilizado foi a câmera Hasselblad, médio formato e o suporte foi a película p&b 6x6cm. Nos enquadramentos uma brincadeira com o “tão perto, tão longe”...., onde todos os retratos são feitos da seguinte maneira: fotografo com uma lente normal um primeiro plano e, num segundo momento, um close obtido com um tubo de extensão acoplado na lente, que resulta numa imagem realmente muito próxima com uma profundidade de campo mínima.

O resultado de Paraty foi uma série de cerca de 50 retratos de fotógrafos e personalidades importantes para a comunidade fotográfica brasileira e internacional, dentre eles Maureen Bisilliat, Iatã Cannabrava, Eder Chiodetto, Alfredo de Stéfano, Carlos Carvalho, Alejandro Chaskielberg, Kitty Paranaguá, Fábio Seixo, só para citar alguns.


Marian Starosta
 

Saiba mais

Galeria 535


“Meu mundo teu”

Galeria 535

11 de Junho

Rua Teixeira Ribeiro, 535 • Maré • Rio de Janeiro • Tel.: 3105-4599 • Horário de funcionamento: 2ª a 6ª de 9h às 18h

Meu mundo teu Alexandre Romariz Sequeira
Encontro com o autor 28 de maio as 10hs

Saiba mais

Galeria do Convento – UCAM


“Foto Escambo”

Galeria do Convento – UCAM

08 de Julho

Primeiro de Março 101, Praça XV • Centro • Rio de Janeiro

F O T O E S C A M B O

O Foto Escambo é um projeto democrático que visa fomentar o colecionismo e o apreço pela imagem.

Usando esta forma ancestral de comércio, a troca de um bem por outro, sem a necessidade de dinheiro, promovemos uma interação entre pessoas que gostam de fotografia.

A dinâmica é simples: formado um banco inicial de imagens, estas são expostas em forma de varal, sem identificação do autor e disponibilizadas para serem trocadas pelos interessados. Amadores e profissionais se misturam e escolhem a foto que mais lhes agrada, deixando uma de autoria própria no lugar da retirada.

O projeto teve início em abril de 2010, primeiro em parceria com o Grupo Baita Profissional, durante o 4° FestFotoPoa. Sob o nome “Varal do Escambo” e de forma independente do festival, os fios foram instalados em frente ao Café do Cofre, no Santander Cultural.
 

Como Funciona

Solicitamos doações fotográficas de profissionais, estas formam um banco de reserva e servem para atrair os participantes e alimentar sistematicamente o varal.

É montado um varal onde são expostas fotos de doadores e inscritas, misturadas e sem identificação de autor. As fotos são identificadas com um número de inscrição colado no verso.

Os participantes escolhem de uma a cinco fotos de sua autoria. De preferência, imagens variadas, copiam em processo para longa duração, em papel fotográfico ou de algodão no tamanho mínimo de 20x30cm. Não devem identificar suas fotos. Este procedimento visa a fortalecer o apreço pela imagem e não, pelo autor. Inscrevem as fotos antes de trocar. As inscrições são feitas no dia do evento. O processo é simples: registra-se um contato do participante e cada foto inscrita recebe uma etiqueta numerada. Uma vez inscrito o participante escolhe uma foto em exposição e troca pela sua, conforme o número de trabalhos inscritos no máximo de cinco.

A autoria dos trabalhos é revelada após o evento, com a publicação da lista no blog do Escambo com os autores correspondentes aos números colados em cada foto.

Os profissionais abaixo já participaram do Foto Escambo:

Daniel Marenco, Fernanda Chemale, Arnaldo Carvalho, Dirceu Maués, Luciana Whitaker, Leopoldo Plenz, Juan Esteves, Jonne Roriz, Marcos Issa, Adri Felden, Kazuo Okubo, Felipe Lopez, Eduardo Muylaert, Lucille Kanzawa, Paula Marina, Anik Polo, Luciana Cavalcanti, Stefan Schmeling, Fernando Martinho, Fifi Tong, Du Ribeiro, Gabriel Boieras, Luciana Cattani, Galeria Experiência, Inaê Coutinho, Walter Firmo, Penna Prearo, Claudio Edinger, Clício, Eneida Serrano, gUi Mohallem, Iatã Cannabrava, João Wainer, Nair Benedicto, Ricardo Teles, Rosângela Rennó, Saulo Haruo Ohara, Tom Lisboa, Tadeu Vilani, Orlando Brito, Rogério Reis, Evandro Teixeira e Tony de Marco.

Saiba mais

Instituto Kreatori


“Oficina de Fotografia para crianças com Claudia Thees”

Instituto Kreatori

02 de Junho

Rua Alice, 209 • Laranjeiras • Rio de Janeiro • Tel.: 3734-4326 • Horário de funcionamento: 3ª a 6ª das 14h às 18:30h h30min, 6ª e sáb 15h às 21h, dom 14h às 18h

OFICINA DE FOTOGRAFIA para crianças com Claudia Thees
Dias / Horários: 02, 09, 16 e 30/06, quintas-feiras, das 14:30h. às 16:30h.
Duração: 04 encontros (08 horas)
Investimento: R$ 300,00 ou 2x 170,00
O curso visa trazer uma nova perspectiva sobre o olhar infantil, além de adequar a fotografia aos seus sentimentos, sensibilidade e criatividade.
Através do lúdico, com brincadeiras e dinâmicas, a criança poderá aprender de forma básica a registrar seu olhar através de uma câmera, fazendo com que ela comece seu processo de alfabetização visual.
Faixa etária: 08 a 12 anos | Pré-requisito: câmera digital
 

Saiba mais

“Curso básico de fotografia com Bruno Girão”

Instituto Kreatori

03 de Junho

Rua Alice, 209 • Laranjeiras • Rio de Janeiro • Tel.: 3734-4326 • Horário de funcionamento: 3ª a 6ª das 14h às 18:30h h30min, 6ª e sáb 15h às 21h, dom 14h às 18h

CURSO BÁSICO DE FOTOGRAFIA com Bruno Girão | Turma 14
em 06 encontros | Início: 03 de Junho Dias/Horários: 03, 10, 17/06; 01, 08 e 15/07, sextas, das 14h. às 17h.
Duração: 06 encontros (18 horas) Investimento: R$ 676,00 ou em 2x R$ 345,00 O curso visa apresentar conceitos básicos de fotografia, com técnicas de controle de luz, velocidade e lentes, para o uso manual de equipamentos fotográficos.
 

Saiba mais

“Fernando Rabelo do blog Imagens & Visions”

Instituto Kreatori

08 de Junho

Rua Alice, 209 • Laranjeiras • Rio de Janeiro • Tel.: 3734-4326 • Horário de funcionamento: 3ª a 6ª das 14h às 18:30h h30min, 6ª e sáb 15h às 21h, dom 14h às 18h

Kreatori Convida: O Kreatori Convida é um espaço para convidados de diversas áreas que atuam com fotografia e/ou imagem em movimento. Em encontros mensais com os autores, pretende-se exibir e discutir trabalhos autorais, profissionais, acadêmicos, amadores etc., que ampliem o conhecimento e promovam ricas reflexões sobre a imagem produzida no Brasil e no exterior.

Saiba mais

“Fotógrafo Viajante: Tata Barreto apresenta”

Instituto Kreatori

15 de Junho

Rua Alice, 209 • Laranjeiras • Rio de Janeiro • Tel.: 3734-4326 • Horário de funcionamento: 3ª a 6ª das 14h às 18:30h h30min, 6ª e sáb 15h às 21h, dom 14h às 18h

Fotógrafo Viajante: Encontros mensais com convidados do Kreatori para exibirem imagens de uma ou mais viagens que reportem momentos significativos para o fotógrafo viajante sob a perspectiva do olhar, do momento decisivo, do registro documental etc. Uma viagem à fotografia do acaso comprometida com a experiência única que o conteúdo emocional e estético de uma viagem proporciona.

Saiba mais

“Curso Elaboração de Projetos Culturais com Eridan Leão”

Instituto Kreatori

16 de Junho

Rua Alice, 209 • Laranjeiras • Rio de Janeiro • Tel.: 3734-4326 • Horário de funcionamento: 3ª a 6ª das 14h às 18:30h h30min, 6ª e sáb 15h às 21h, dom 14h às 18h

CURSO ELABORAÇÃO DE PROJETOS CULTURAIS com Eridan Leão
Dias/Horários: 16 e 30 de junho,  07 e 14 de julho, quintas, das 19h. às 22h. Duração: 04 encontros 12 horas
Investimento: R$ 452,00 ou em 2x R$ 226,00
Este curso propõe desenvolver as noções básicas para elaboração de um projeto cultural. Um projeto cultural tem que ter conceitos consistentes e qualidade técnica de pessoal e material; tem que ter lógica nas principais etapas de desenvolvimento, que precisam estar coerentemente contempladas na elaboração do orçamento. Esta proposta é aberta para os que já tenham uma idéia a ser desenvolvida e para os que ainda precisam entender como desenvolvê-la.
 

Saiba mais

Instituto de Filosofia e Ciências Sociais - UFRJ


“Oficina Imagem e Conhecimento”

Instituto de Filosofia e Ciências Sociais - UFRJ

08 de Agosto

Largo São Francisco de Paula • Centro • Rio de Janeiro • Tel.: 2221-0034 • Horário de funcionamento: 2ª a 6ª, das 9h às 22h

OFICINA IMAGEM E CONHECIMENTO

08/08/2011 – Segunda-feira – 14h às 17h
Apresentação dos trabalhos de Ana Luisa Fayet Sallas no campo dos estudos das imagens e diálogo com os participantes. Enfatizaremos o processo de construção da metodologia para a análise de imagens.

09/08/2011 – Terça-feira – 14h às 17h
Apresentação dos trabalhos de Angelo José da Silva no campo dos estudos das imagens e diálogo com os participantes. Enfatizaremos o lugar da experiência e sua relação com a leitura de imagens.

10/08/2011 – Quarta-feira – 14h às 17h
Trabalharemos com a produção imagética dos participantes da oficina, com o objetivo de propiciar uma troca de experiências no estudo das imagens. (Solicitamos aos participantes que levem imagens de trabalhos já realizados ou em andamento. E, para aqueles que não possuem estes trabalhos, pedimos que levem um equipamento para a produção de imagens.)

ANA LUISA FAYET SALLAS – professora da graduação e do Programa de Pós-graduação em Sociologia do Departamento de Ciências Sociais da Universidade Federal do Paraná – UFPR. Líder do Grupo de Pesquisa do CNPq IMAGEM E CONHECIMENTO.

ANGELO JOSÉ DA SILVA – professor da graduação e do Programa de Pós-graduação em Sociologia do Departamento de Ciências Sociais da Universidade Federal do Paraná – UFPR. Coordenador acadêmico do Centro de Estudos de Cultura e Imagem da América Latina – CECIAL.
 

Saiba mais

Livraria Folha Seca


“Corpo Re-Construção Ação Ritual Performance”

Livraria Folha Seca

05 de Julho

Rua do Ouvidor 37 • Centro • Rio de Janeiro • Tel.: (21) 2507-7175 • Horário de funcionamento: seg a sex das 10h às 19h e sáb 10h às 15h

A fotógrafa e artista londrinense Fernanda Magalhães lança seu livro Corpo Re-Construção Ação Ritual Performance, na próxima terça feira (5 de julho), às 18h30, na Livraria Folha Seca (Rua do Ouvidor 37/ (21) 2507-7175), no Rio de Janeiro. Antes do lançamento, às 17h, ela participa da última visita guiada da exposição "Eu me desdobro em muitos - A autorepresentação na fotografia contemporânea", no Centro Cultural Banco do Brasil (Rua Primeiro de Março, 66/(21)38082007), da qual ela participa. Os dois eventos integram a programação do FotoRio 2011 – Encontro Internacional de Fotografia do Rio de Janeiro (http://www.fotorio.fot.br/2011/).

O trabalho de Fernanda Magalhães tem ganho destaque na exposição dentro da programação do FotoRio 2011. O curador do evento, o fotógrafo e pesquisador Milton Guran, afirmou à Veja Rio que a fotógrafa é a precursora no Brasil da produção de trabalhos em autorepresentação.

 

Livro - O livro é resultado da tese de doutorado desenvolvido na Unicamp (Campinas, SP) entre 2003 a 2008.“O projeto surgiu a partir da minha experiência com uma grave doença e da constatação que sempre precisamos do outro para nos reconstruir. E desta relação vital com o outro, os outros/outras surgiu o trabalho que é essencialmente um trabalho coletivo, com muitos coletivos já que a proposta aconteceu com grupos diversos”, revela Fernanda Magalhães.

A autora explica que seu trabalho nasceu das lembranças de sua infância com o pai, o jornalista Antonio Vilela de Magalhães e também de dois trabalhos desenvolvidos em 2002 - Impressões da Memória e A Expressão Fotográfica e os Cegos. Os desdobramentos desses trabalhos e de sua memória de infância resultaram na proposição, que traz alguns de seus trabalhos performáticos realizados com grupos diversos. Segundo ela, uma expansão de seus trabalhos anteriores.

Em um trecho do livro, a autora diz: “O trabalho emerge como possibilidade de sobrevivência através da arte, numa ideia de que as relações podem trazer força e amor, possibilitando vida e expansão. Arte e vida conectadas. A força da ação se estabelece através das relações com o outro que atua na expansão do trabalho”.

Juntamente com o livro, o site http://www.fernandamagalhaes.com.br/ faz parte do projeto como parte multiplicadora do trabalho, “como linhas de fuga, conexões rizomáticas que permitem outros desdobramentos, novas expansões, para além de minhas atuações. O livro e o site pretendem possibilitar estas atuações para além do meu corpo”.

 

Impressões da história, Impressões da Memória

 

A autora conta que a gênese do trabalho remonta das lembranças de sua infância. “Meu pai chegava exausto do trabalho e que nós (eu e minha irmã) queríamos sua atenção. Ele então nos dava canetas e falava para desenharmos em suas costas. Quando ele adormecia, com o calor e o suor do seu corpo, os desenhos eram transferidos para os lençóis e observávamos isto ao amanhecer. Esta é uma imagem linda de minha infância”, relembra.

A partir dessa vivência nasceu o Impressões da Memória, um projeto de construção de poemas visuais em parceria com a jornalista e escritora Karen Debértolis. “O projeto nos trouxe, a partir da perspectiva das relações corporais, as construções de novas/outras linguagens em nossos trabalhos. O trabalho atua no campo da performance através de um momento performático mas não público, realizado de forma íntima e que se revela na exposição dos resultados do trabalho”.

Na mesma época a dupla também desenvolvia o Projeto A Expressão Fotográfica e os Cegos, que propiciou a perspectiva de ampliação das sensações, como as vistas táteis. “Desta relação de contato com os corpos, a relação tátil do corpo com o mundo, estas perspectivas de nossas outras percepções além da percepção visual tão valorizada hoje. Destas imagens que podem surgir a partir das relações do corpo com o mundo, através das sensações corporais”, pondera a autora.

O livro foi viabilizado através de recursos do PROMIC e está à venda no valor de R$ 40,00.

 

Contatos:

Fernanda Magalhães – (43) 9941-5930/ 3339-0530 – e-mail: fermagalha@gmail.com

Rodrigo Ferrari (Livraria Folha Seca) – (21) 2507-7175 – e-mail: rodrigo@livrariafolhaseca.com.br

 

Saiba mais

Museu Nacional de Belas Artes


“Ciclo de Palestras: Fotografia e História: considerações sobre a Coleção Francisco Rodrigues 1840 - 1920”

Museu Nacional de Belas Artes

12 de Julho

Av. Rio Branco, 199 • Centro • Rio de Janeiro • Tel.: 2219-8474 • Horário de funcionamento: 3ª a 6ª das 10h às 18h; sáb., dom. e feriados das 12h às 17h

  • 12/07 - Fotografia e História: considerações sobre o projeto curatorial
    • Ana Maria Mauad e Milton Guran (LABHOI / UFF)
      17h às 19h
  • 13/07 - Processos fotográficos históricos
    • Marcia Mello (Galeria Tempo)
      17h às 19h
  • 14/07 - Preservação da coleção: histórico do processamento técnico
    • Nazareth Coury (Instituto Moreira Salles)
      17h às 19h
  • 15/07 - Fotografia: do cotidiano ao museu
    • Pedro Vasques (Museu do Jambeiro)
      17h às 19h
  • 16/07 - Visita Comentada à exposição
    • Ana Maria Mauad, Milton Guran e Teresa Motta (FUNDAJ)
      14h às 16h

 

Museu Nacional de Belas Artes

Auditório Leandro Joaquim

Inscrições na Associação dos Amigos do MNBA

Segunda a Sexta das 10h às 17h 

Tel: 22155072

Vagas limitadas: 40 participantes

Taxa de inscrição: R$ 70,00 para estudantes, IBRAM, professores e fotógrafos associados e R$ 150,00 para os demais.

Saiba mais

Palácio Gustavo Capanema


“Oficina de higienização de fotografias contemporâneas no CCPF”

Palácio Gustavo Capanema

05 de Julho

Rua da Imprensa, 16 - 7º andar • Centro • Rio de Janeiro • Tel.: 2240-3344 • Horário de funcionamento: 13h às 18h

Oficina de higienização de fotografias contemporâneas no CCPF | 05 a 06 de julho | das 13h às 18h
O Centro de Conservação e Preservação Fotográfica da Funarte realiza a oficina “Higienização de fotografias contemporâneas”. Em parceria com o FotoRio2011, as aulas gratuitas são ministradas pela professora Clara Mosciaro.

No programa, a demonstração de técnicas de higienização e a prática de exercícios em exemplares fotográficos trazidos pelos participantes e preparados pela professora.
As vagas limitadas são direcionadas a fotógrafos, conservadores, arquivistas, historiadores, museólogos, bibliotecários, artistas, profissionais e estudantes que cuidem de arquivos fotográficos. O curso será no Palácio Gustavo Capanema, no Centro.

Sobre a palestrante

Clara Mosciaro é graduada em História pela Universidade Federal Fluminense e especialista em conservação fotográfica. Cursou o Certificate Program in Photographic Preservation and Archival Practice na George Eastman House (Rochester, NY). Desde 1994, atua como conservadora autônoma, ministrando cursos e oficinas em todo o Brasil. Participou do tratamento de coleções fotográficas privadas e em instituições como o CCPF/Funarte, Fiocruz, Petrobras, MIS-GO E IPHAN.

Oficina:

“Higienização de fotografias contemporâneas”
5 e 6 de julho, das 13h às 18h

Duração: 10 horas
Vagas: 10 alunos

Programa:
- Introdução- componentes mais comuns nas fotografias contemporâneas.
- Apresentação do material e instrumental a ser utilizado.- Demonstração de técnicas de higienização.
- Exercícios em exemplares fotográficos preparados pelo professor.
- Prática em exemplares trazidos pelos participantes.
- Prática sob orientação do professor.
- Avaliação final dos resultados obtidos.

Aulas gratuitas / Vagas limitadas

Informações e inscrições
ccpf@funarte.gov.br ou ccpf.cursos@gmail.com

Saiba mais

“Higienização de diapositivos e negativos fotográficos”

Palácio Gustavo Capanema

07 de Julho

Rua da Imprensa, 16 - 7º andar • Centro • Rio de Janeiro • Tel.: 2240-3344 • Horário de funcionamento: 13h às 18h

O Centro de Conservação e Preservação Fotográfica da Funarte realiza a oficina “Higienização de diapositivos e negativos fotográficos”. Em parceria com o Foto Rio 2011, as aulas gratuitas são ministradas pela professora Clara Mosciaro.

No programa, a demonstração de técnicas de higienização e a prática de exercícios em exemplares fotográficos trazidos pelos participantes e preparados pela professora.

As vagas limitadas são direcionadas a fotógrafos, conservadores, arquivistas, historiadores, museólogos, bibliotecários, artistas, profissionais e estudantes que cuidem de arquivos fotográficos. O curso será no Palácio Gustavo Capanema, no Centro.

Sobre a palestrante

Clara Mosciaro é graduada em História pela Universidade Federal Fluminense e especialista em conservação fotográfica. Cursou o Certificate Program in Photographic Preservation and Archival Practice na George Eastman House (Rochester, NY). Desde 1994, atua como conservadora autônoma, ministrando cursos e oficinas em todo o Brasil. Participou do tratamento de coleções fotográficas privadas e em instituições como o CCPF/Funarte, Fiocruz, Petrobras, MIS-GO E IPHAN.

Oficina:

“Higienização de diapositivos e negativos fotográficos”
7 e 8 de julho, das 13h às 18h

Duração: 10 horas
Vagas: 10 alunos

Programa:

- Pequeno histórico dos negativos fotográficos.
- Apresentação do material e instrumental a ser utilizado.
- Demonstração de técnicas de higienização.
- Exercícios em exemplares preparados pelo professor.
- Prática em exemplares trazidos pelos participantes.
- Prática sob orientação do professor.
- Avaliação final dos resultados obtidos.

Aulas gratuitas / Vagas limitadas

Informações e inscrições
ccpf@funarte.gov.br ou ccpf.cursos@gmail.com
 

Saiba mais

Praça São Salvador


“Mostra Livre de Fotografia”

Praça São Salvador

24 de Junho

Praça São Salvador • Laranjeiras • Rio de Janeiro

A Mostra Livre de Fotografia é um projeto que reunirá 50 estudantes de fotografia que irão projetar um ensaio fotográfico com 10 imagens no máximo. Essa Mostra, um happening, a ser realizado em uma bucólica e histórica praça do bairro das Laranjeiras, a Praça São Salvador, dará oportunidade a jovens produtores de imagens a colocarem suas fotos em espaço expositivo, muitos pela primeira vez. Um estímulo a continuidade na produção imagética, sem falar do comprometimento emocional que um evento dessa natureza sucinta.
Pelo evento ser idealizado e coordenado por mim, professora do Ateliê da Imagem, a Mostra contará com a participação de alunos e ex alunos fotógrafos dessa reconhecida Escola de fotografia do Rio de Janeiro.
 

Saiba mais

Studio Século XIX


“Oficina de Daguerreotipia”

Studio Século XIX

08 de Julho

Estrada Serra Mar S/N - Santa Luzia / Lumiar • Nova Friburgo • Tel.: 2234 7387 / 9706-3595 ou lumefotografia@terra.com.br

Local: Lumiar-RJ

Data:8 a 10; 15 a 17 e de 22 a 25 de Julho (nova turma)

Custo por participante: R$ 425,00

Carga Horária: 15 horas aulas.

Número de participantes: 8 por oficina

Contatos: cel.: 55 21 9706 3595

E-mail- lumefoto@gmail.com
 

Saiba mais