Loading...

MANIFESTAÇÕES

A exposição Manifestações traz a visão de cinco fotógrafos que acompanham os protestos das mais variadas maneiras desde 2013. São grandes movimentos contra o preço das passagens de ônibus, a Copa, a corrupção, o impeachment e a violência. A mostra reúne os fotógrafos Ana Carolina Fernandes, fotojornalista desde seus 20 anos e com passagem pelos maiores jornais do país e que em 2016 ganhou o “9th Julia Margaret Cameron Award for Women Photographers” na categoria Editorial Documentary; Luiz Baltar, formado em gravura pela Escola de Belas Artes/UFRJ, em fotografia pela Escola de Fotógrafos Populares/Imagens do Povo e pós-graduado em fotografia e imagens pela Universidade Cândido Mendes – UCAM, um importante documentarista, que desenvolve também projetos autorais; a jovem Bárbara Dias do Coletivo Fotoguerrilha, fotojornalista 100% dedicada às manifestações pelo país; Mauro Pimentel da Agência France Press, que além de várias coberturas internacionais, ganhou a categoria melhor foto no Prêmio Tim Lopes de Jornalismo Investigativo, em 2013; e Lucas Landau, que trabalhou por 10 anos como fotógrafo de moda, mas a partir dos protestos de 2013 caiu de cabeça no fotojornalismo, hoje colabora com a Agência Reuters e já coleciona coberturas importantes pelo país e no exterior.

OS FOTÓGRAFOS

Ana Carolina Fernandes é fotojornalista desde os 20 anos, hoje em dia desenvolve projetos autorais documentais sem abandonar o fotojornalismo. Em 2016 ganhou o 9th Julia Margaret Cameron Award for Women Photographers na categoria editorial e Documentary, faz parte da Galeria Oriente no Rio, é representada pela DOC em SP e é colaboradora da Reuters. Em 2013 foi Top10 no SonyAward International. Vencedora do Troféu Mulher Imprensa 11º Edição em 2016. Finalista do Magnum Photography Awards 2017.

Luiz Baltar é formado em gravura pela Escola de Belas Artes/UFRJ, fotografia pela Escola de Fotógrafos Populares/Imagens do Povo e pós-graduado em fotografia e imagens pela Universidade Cândido Mendes – UCAM. Trabalha como fotógrafo documentarista e desenvolve projetos autorais no campo da arte contemporânea. Acredita na fotografia como forma de expressão ativista e crítica, daí sua busca em estabelecer um diálogo entre fotografia e questões sociais, sobretudo no que diz respeito ao olhar sobre a cidade.

Mauro Pimentel é um fotojornalista brasileiro baseado no Rio de Janeiro e contratado da Agence France Press. Já fez trabalhos no Chile, Uruguai , Equador, Argentina. África do Sul, EUA, Panamá e Cuba. Entre 2012 e 2014 trabalhou para a Terral Networks entre 2014 e 2017 para AP, ESPN. El País, AFP, Folha de S. Paulo, Estadão Vozerio, Deutsche Welle, Veja, Uol e El Mundo. Ganhou os prêmios Tim Lopes, Global Photo Competition, AP Monthly Staff Contest e POY Latam.

Lucas Landau, carioca, tem 28 anos e fotografa profissionalmente desde os 16. Viu nos protestos de 2013 a oportunidade para mudar de área na fotografia: da moda passou para o fotojornalismo. Se tornou freelancer da Reuters e cobriu para a agência as manifestações de rua até o final de 2014. Atualmente, além do fotojornalismo, Landau trabalha com fotografia documental focado em conflitos socioambientais e seus processos de resistência.

Bárbara Dias é fotojornalista e fotógrafa documental com base no Rio de Janeiro, com foco nas questões de direitos humanos. Vem desde 2016 documentando as lutas sociais, greves, ocupações, manifestações e conflitos urbanos. É fundadora e integrante do coletivo autônomo Fotoguerrilha e fotógrafa freelancer.

A EXPOSIÇÃO

Manifestações, com Ana Carolina Fernandes, Bárbara Dias, Lucas Landau, Luiz Baltar e Mauro Pimentel, curadoria de Sergio Moraes.

Abertura: 30 de agosto de 2018, 17h
Local: Escola de Cinema Darcy Ribeiro
Rua da Alfândega, 05 • Centro • Rio de Janeiro

2018-11-04T01:03:06+00:00